Hackers vendem informações roubadas de clientes e funcionários do Banco Santander: o que fazer para se proteger?

Hackers vendem informações roubadas de clientes e funcionários do Banco Santander: o que fazer para se proteger?
Spread the love

Duas semanas após o Banco Santander admitir que dados de milhões de clientes foram comprometidos, um grupo de hackers chamado ShinyHunters está oferecendo os dados à venda na dark web por US$ 2 milhões.

Inscreva-se no canal do Segurança Digital 360, no WhatsApp

A oferta inclui detalhes de contas bancárias de 30 milhões de clientes, números de 28 milhões de cartões de crédito, saldos de 6 milhões de contas e informações pessoais de funcionários.A informação foi confirmada pelo banco, que alertou para o risco de fraudes e roubos de identidade.

Após uma investigação, agora confirmamos que certas informações relacionadas aos clientes do Santander Chile, Espanha e Uruguai, bem como todos os funcionários atuais e alguns ex-funcionários do grupo Santander, foram acessadas”, informou o banco, em comunicado.

O que foi roubado?

Os dados roubados incluem:

  • Detalhes da conta bancária de 30 milhões de clientes
  • Números de 28 milhões de cartões de crédito
  • Saldos de seis milhões de contas
  • Informações pessoais sobre funcionários

O que o banco está fazendo?

O Santander também reiterou que seus sistemas bancários não foram afetados. Por isso, os clientes poderiam continuar a “fazer transações com segurança”.

O Santander está tomando medidas para proteger seus clientes e funcionários, incluindo:

  • Notificar os clientes afetados
  • Oferecer proteção contra roubo de identidade
  • Investigar o incidente e trabalhar para identificar os responsáveis

O que você pode fazer para se proteger?

  • Mantenha seus dados bancários seguros. Não compartilhe suas informações bancárias com ninguém, nem mesmo em sites ou e-mails que pareçam ser do banco.
  • Monitore suas transações bancárias. Verifique suas extratos regularmente para identificar qualquer atividade suspeita.
  • Use senhas fortes e exclusivas para suas contas bancárias. Não use a mesma senha para várias contas.
  • Ative a autenticação de dois fatores. Isso adiciona uma camada extra de segurança às suas contas.
  • Fique atento a golpes. Os golpistas podem usar os dados roubados para tentar te enganar. Não clique em links suspeitos ou abra anexos de e-mails de pessoas que você não conhece.

ShinyHunters já reivindicou a responsabilidade por outros ataques cibernéticos de alto perfil, incluindo o roubo de dados de 560 milhões de clientes da Ticketmaster e a venda de informações roubadas da AT&T.

O ataque ao Banco Santander é um lembrete de que todos nós estamos vulneráveis a ciberataques. É importante tomar medidas para proteger seus dados e se manter informado sobre os riscos.

Antônio Gusmão

Formado em Bacharel Sistemas de informação pela Anhanguera Educacional, Pós Graduação em Gestão da Tecnologia da Informação(Unopar), sou Desenvolvedor Senior Full Stack. Também participo do blog Tempo de Inovação. Praticante de Muay Thay, Crossfit, Nataçao. A familia e a base para nos aproximarmos de Deus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *