Brasil será o primeiro país a ter modo ladrão em celulares Android: Uma inovação contra furtos

Brasil será o primeiro país a ter modo ladrão em celulares Android: Uma inovação contra furtos
Spread the love
Recurso estará disponível para alguns usuários já a partir de julho. Antes do lançamento, as lideranças do Google vieram ao país para entender como agem as 'gangues da bicicleta', que arrancam o smartphone de pedestres em grandes cidades.

Em uma iniciativa pioneira, o Brasil se prepara para se tornar o primeiro país do mundo a receber o “modo ladrão” em smartphones Android. Essa nova funcionalidade, desenvolvida pelo Google, visa combater o crescente problema de roubos de celulares, oferecendo uma camada adicional de segurança para os usuários.

Como funciona o “modo ladrão”?

O “modo ladrão” utiliza inteligência artificial e o acelerômetro do celular para detectar movimentos bruscos, como os que podem ocorrer durante um roubo. Ao identificar esses movimentos, o celular automaticamente bloqueia a tela e emite um alarme alto, dificultando a fuga do ladrão.

Para ativar o “modo ladrão”, os usuários precisarão ter o Android 10 ou superior instalado em seus dispositivos. A funcionalidade estará disponível nas configurações de segurança do aparelho, permitindo que os usuários ativem ou desativem conforme desejado.

Benefícios do “modo ladrão” para o Brasil:

A implementação do “modo ladrão” no Brasil traz diversos benefícios para o país, entre os quais:

  • Redução do número de roubos de celulares: A tecnologia inovadora do “modo ladrão” tem o potencial de dissuadir os criminosos de roubar smartphones, pois aumenta o risco de serem identificados e de perderem o acesso ao aparelho.
  • Maior segurança para os usuários: Com o “modo ladrão”, os usuários de smartphones Android no Brasil terão mais tranquilidade ao usar seus dispositivos em locais públicos, sabendo que seus dados e informações pessoais estão protegidos.
  • Combate ao mercado negro de celulares: O “modo ladrão” pode contribuir para a diminuição do mercado negro de celulares roubados, pois dificulta a venda e o uso desses aparelhos.

Expectativas para o “modo ladrão” no Brasil:

O lançamento do “modo ladrão” no Brasil é recebido com grande expectativa pelas autoridades e pela população em geral. Acredita-se que essa nova funcionalidade possa ser uma ferramenta eficaz na luta contra o roubo de celulares, um problema que afeta milhões de pessoas no país.

“Gangue da bicicleta” foi um dos fatores que motivou a criação do “modo ladrão” para celulares Android no Brasil

A “Gangue da bicicleta” era um grupo criminoso que atuava principalmente no centro de São Paulo, praticando roubos de celulares de forma rápida e violenta. Os integrantes da quadrilha agiam em dupla, circulando de bicicleta pelas ruas e abordando pedestres distraídos. Ao se aproximar da vítima, um dos criminosos arrancava o celular da mão dela e fugia em alta velocidade na bicicleta.

A atuação da “Gangue da bicicleta” causou grande apreensão na população de São Paulo, principalmente na região central da cidade. O aumento do número de roubos de celulares gerou um clima de insegurança e medo entre os cidadãos, que evitavam usar seus dispositivos em locais públicos.

Em resposta ao problema dos roubos de celulares praticados pela “Gangue da bicicleta”, o Google decidiu desenvolver o “modo ladrão” para smartphones Android no Brasil. A empresa reconheceu a necessidade de uma solução inovadora para combater esse tipo de crime e proteger os usuários brasileiros.

O sucesso do “modo ladrão” dependerá da conscientização dos usuários sobre a importância de ativar a funcionalidade em seus dispositivos e da colaboração das autoridades para a rápida recuperação de aparelhos roubados, nós do segurança digital 360 queremos testar e falar aqui pra vocês.

Com a implementação do “modo ladrão”, o Brasil dá um passo importante para tornar seus cidadãos mais seguros e para combater um crime que causa transtornos e prejuízos financeiros para milhões de pessoas.

Antônio Gusmão

Formado em Bacharel Sistemas de informação pela Anhanguera Educacional, Pós Graduação em Gestão da Tecnologia da Informação(Unopar), sou Desenvolvedor Senior Full Stack. Também participo do blog Tempo de Inovação. Praticante de Muay Thay, Crossfit, Nataçao. A familia e a base para nos aproximarmos de Deus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *